Black Friday Semana do Brasil

Black Friday 2020: Black Friday Brasil: em meio à pandemia, como será este ano?

(foto: pixabay)

 

Como será a primeira Black Friday Brasil no pós-pandemia? A velha cena de lojas lotadas não deve se repetir. O comportamento do consumidor mudou, com mais pessoas comprando pela internet. Além disso, os protocolos de controle do novo coronavírus exigem distanciamento social. Reforçando que a edição de 2020 acontecerá em 27 de novembro. 

Na edição de 2019, as vendas on-line aumentaram 23% no final de semana de ofertas. O total faturado na data, incluindo as vendas das lojas físicas, foi de R$ 3,2 bilhões. O mês de abril, no pico da pandemia em alguns centros comerciais, registrou faturamento de R$ 9,4 bilhões no e-commerce. 

Embora o período seja maior que os dois dias da Black Friday 2020, é um dado a se analisar. 

Mesmo com a força do comércio on-line, as lojas físicas também estão esperançosas para a data. Isso porque uma pesquisa da Criteo, realizada com 13 mil consumidores em todo o mundo, demonstrou que 27% dos clientes já se sentem seguros para voltar aos shoppings. Além disso, a inclusão digital ainda não é universal, e muitas pessoas preferem comprar após o cara a cara com o vendedor. 

Pandemia intensificou as vendas on-line 

Será que estamos vivendo uma Black Friday 2020 desde abril? Afinal de contas, desde o começo da quarentena, com os serviços não essenciais fechados, as pessoas passaram a comprar pela internet produtos que até então adquiriam nos pontos físicos. 

Com mais tempo em casa devido à imposição do home office, as famílias começaram a consumir mais itens de uso doméstico. Isso se refletiu inclusive na abertura de mais lojas virtuais. 

A mudança é confirmada pela Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm). A associação registrou a abertura de mais de uma loja por minuto logo no início da pandemia. Já o Mercado Livre ganhou 5 milhões de novos clientes na América Latina, duramente afetada pela pandemia. 

Portanto, a Black Friday Brasil, que nasceu on-line em 2010, deve repetir o feito em 2020. Isso porque, só para lembrar, a data é inspirada na promoção realizada nos Estados Unidos um dia após o Dia de Ação de Graças. 

Originalmente, nos Estados Unidos, a data é motivo de comemoração para o varejo físico, que busca limpar o estoque, enquanto que para o consumidor é positiva para antecipar as compras de Natal. 

Mobile 

Quando o assunto é compras on-line na Black Friday Brasil, é interessante observar que em 2020 pode ocorrer mais uma mudança:…

Continue lendo em https://www.em.com.br/app/noticia/economia/2020/10/08/internas_economia,1192483/black-friday-brasil-em-meio-a-pandemia-como-sera-este-ano.shtml

Quer se cadastrar e receber OFERTAS sobre a Semana do Brasil? Clique Aqui

 

Publicidade

Você poderá gostar